Title Image

Conversão do Google Ads: O Que é e Qual a sua Importância Para os Seus Resultados

Receba nossos conteúdos!

Neste artigo você vai entender o que é uma conversão do Google Ads e qual a sua importância.

Quem já teve algum contato com marketing digital, muito provavelmente já ouviu falar no termo “conversão”.

Mas afinal, o que é uma conversão?

A conversão acontece quando um usuário realiza uma ação que você deseja dentro do seu site ou campanha de marketing e que possa ser mensurada.

Ou seja, a conversão do Google Ads pode ser considerada como um objetivo que você quer acompanhar.

conversão do google ads

No marketing digital a conversão mais comum é a venda.

Mas, para que ela aconteça seu cliente normalmente passa por uma jornada de conhecimento, pesquisa e interesse pelo seu produto até realizar a compra. 

Como é de extrema importância metrificar todos os dados no marketing digital, podemos adicionar diversas conversões durante a jornada de compra do usuário.

Dessa forma, é possível visualizar se a estratégia está realmente sendo efetiva e posteriormente poder otimizar para aumentar o número de conversões ou diminuir o preço que pagamos por cada uma. 

Para facilitar o entendimento, vamos dar alguns exemplos de outros tipos de conversão:

  • Leads (quando um usuário se inscreve em algum tipo de formulário e te fornece dados sobre ele)
  • Visualização de vídeo
  • Clique em algum botão do seu site
  • Visualizações de página
  • Ligações telefônicas 
  • Entrar em contato por mensagem de texto

Não foque somente nestas que apresentamos, existem outras conversões e tudo vai depender do seu objetivo principal.

Para facilitar o entendimento sobre conversão do Google Ads

Vamos supor que você possua um negócio e sua empresa tem um aplicativo de investimentos pago.

Seu objetivo obviamente é vender.

Mas, as vendas vêm de clientes que conhecem seu produto tanto pelo seu canal no YouTube sobre investimentos, quanto sua página no Facebook.

Como saber qual o melhor canal de comunicação para investir mais dinheiro e energia? 

Contabilizando as conversões intermediárias até que a venda seja realizada.

Agora que você já entendeu o que significa uma conversão e qual a importância de metrifica-las no seu negócio, vamos ao que interessa: conversões no Google

Como a conversão é contabilizada no Google

O Google é uma das maiores ferramentas de anúncios na internet.

É através Google Ads que você cria anúncios no YouTube, anúncios de display (aqueles banners que você vê na maioria dos blogs e sites) e, claro, no próprio site de pesquisa do Google. 

Para que o Google tenha a informação se a ação que você deseja contabilizar como conversão foi realizada ou não, ele necessita ter algum tipo de integração com seu site.

Essa integração acontece por meio de uma Tag, chamada Tag de Conversão

Sendo bem simplista, a Tag nada mais é que um código que você coloca dentro do código do seu site, seja em uma página ou botão, e quando o usuário aciona esse código, o Google entende que a conversão aconteceu.

Caso você não conheça tanto sobre programação e não tenha um programador na sua equipe para inserir uma tag de conversão no seu site, nós recomendamos que você utilize o Google Tag Maneger (GTM). 

Google Tag Manager

O GTM é uma ferramenta do próprio Google, gratuita e sensacional.

Ele facilita muito a sua vida quando você quer contabilizar conversões mais complexas ou simplesmente não quer mexer com o código do seu site manualmente.

Se quiser saber mais veja nosso artigo Como Usar o Google Tag Manager e Para Quer Serve Essa Ferramenta.

Como criar uma Tag de Conversão no Google Ads

Para criar sua Tag, entre em sua conta do Google Ads e clique no botão “Ferramentas” no menu superior esquerdo, na coluna de “Medição” e por fim, vá em “Conversões”. 

Como criar uma tag de conversão

Depois, na aba “Ações de Conversão” clique no botão com o “+” e você já pode começar a configurar sua conversão para que ela funcione e metrifique exatamente o que você precisa.

Configuração de uma conversão no Google

Ao começar a configurar sua conversão no Google, a primeira coisa que você terá que escolher é qual o tipo de conversão você quer acompanhar.

Agora vamos para a prática, usaremos como exemplo o tipo de conversão mais comum, o de Website. 

  • Categoria:

O próximo passo é selecionar a categoria. 

Essa parte serve simplesmente para, caso você tenha mais de uma conversão, segmentá-las relatórios. Assim, você pode ver conversões semelhantes juntas. 

Selecionar categoria da conversão

  • Nome:

Dê um nome para sua conversão.

Quanto mais claro e específico for melhor.

Se você tiver várias conversões, isso pode te economizar um tempo precioso caso queira editá-la. 

  • Valor: 

Depois você precisa selecionar o valor da sua conversão.

Essa é uma parte muito importante, principalmente se for algum tipo de conversão que lhe gere um valor monetário diretamente. 

Valor da conversão

Aqui você pode escolher entre 3 opções: 

    • Usar o mesmo valor para todas as conversões, ideal para uma conversão de venda onde seu produto seja vendido pelo mesmo valor sempre. Isso significa que toda vez que essa conversão acontecer, o Google entenderá que você recebeu o mesmo valor;
    • Usar valores diferentes para cada conversão, ideal para quando você quer acompanhar compras de produtos diferentes. Essa opção te permite adicionar valores dinâmicos às suas conversões, você terá que personalizá-la depois;
    • Não usar um valor, ideal para quando é uma conversão de lead ou visualização de página, que não te geram retorno monetário diretamente.
  • Contagem: 

Em contagem, selecione “Todas” caso você queira que a conversão seja contabilizada todas as vezes que um usuário realizar a ação.

Se você estiver vendendo um produto, por exemplo, e quer saber todas as vezes que ele foi comprado, mesmo que seja a mesma pessoa comprando, deixe esta opção. 

Selecione “Uma” se o que importa é apenas a primeira vez que um (mesmo) usuário realizou a ação. Ideal se você está capturando leads ou acompanhando inscrições.

  • Janela de Conversão:

Na “Janela de Conversão” você seleciona o tempo que o Google irá “esperar” até que um usuário realize a ação para que ele a contabilize. 

Um usuário pode converter dias depois de interagir com seu anúncio. 

A Janela de Conversões é o prazo máximo entre uma conversão e a interação para que seja computada.

  • Janela de visualização:

A Janela de conversão de visualização funciona da mesma forma da anterior, mas para as conversões de visualização.

Ou seja, conversões que ocorrem após uma impressão do seu anúncio e não após uma interação com ele.

  • Incluir em conversões:

Em incluir em conversões, você está autorizando o Google a contabilizá-la na coluna de conversões e se utilizar lances inteligentes, o Google irá otimizar seus lances de acordo com esses dados de conversão.

Na grande maioria dos casos recomendamos deixar essa opção selecionada.

Se você desmarcá-la, os dados continuarão a ser incluídos na coluna “Todas as conversões”. 

  • Modelo de Atribuição:

Às vezes o mesmo usuário pode interagir mais de uma vez com seus anúncios antes de realizar uma conversão.

Cada interação tem sua importância, mas é preciso decidir como será dado o “crédito” de cada anúncio e palavra-chave envolvidos. 

Os principais modelos são: 

    • Último clique: todo o crédito da conversão é dado à última interação.
    • Primeiro clique: o crédito vai todo para a primeira interação.
    • Linear: o crédito é dividido igualmente por todas as interações.
    • Redução de tempo: atribui mais crédito às conversões que ocorreram mais perto da conversão.
    • Com base na posição: atribui 40% do crédito para a primeira interação, 40% para a última e divide 20% pelas interações que ocorreram nesse meio tempo.

Pronto!

Sua tag de conversão de website está configurada.

Agora você precisa inseri-la no seu site 

É possível inserir a tag de conversão no seu site de duas maneiras.

A primeira é fazer isso por conta própria, inserindo os dois códigos, tag global do site e snippet de evento, na parte head do código da sua página que deseja acompanhar a ação do seu usuário. 

Já na segunda opção e mais recomendada, é utilizando o GTM, como mostramos nesse artigo.

Como ver as conversões nas métricas do Google

As conversões são mostradas na coluna de métricas da ferramenta. 

Você pode retirar das suas colunas ou adicioná-las novamente no menu intermediário “colunas”. 

Visualizar conversões nas métricas do Google

É importante ressaltar que o número de conversões não é a única métrica que o Google pode acompanhar e te mostrar.

Ao clicar em “colunas” e depois em “conversões” você pode selecionar diversos tipos de novas métricas relativas às suas conversões.

Além disso, é possível adicioná-las nas suas colunas para ajudar na sua análise e tomada de decisões. 

Modificar colunas de métricas

Como ver mais de um tipo de conversão em uma mesma tabela

Caso você tenha mais de um tipo de conversão na sua conta do Google Ads e todas estão sendo incluídas na métrica “conversões”, isso pode ser um problema.

Você consegue criar uma métrica personalizada referente a cada uma delas. 

Por exemplo, supondo que você tenha conversões de leads e vendas numa mesma conta. 

Uma mesma campanha pode te trazer leads ou realizar uma venda, mas se as duas conversões estiverem incluídas em uma mesma coluna de conversões, isso pode trazer uma certa confusão e, figurativamente, “misturar maçã com banana”. 

Por isso, a importância de saber identificar cada uma delas separadamente, criando colunas personalizadas.

As colunas personalizadas nos permitem adicionar novas colunas criando fórmulas e misturando as métricas que o Google já acompanha, para que possamos acompanhar dados mais personalizados para os nossos negócios. 

Para criar colunas personalizadas de conversões é simples: 

  • Ainda na opção de modificar colunas, clique em adicionar nova coluna em “colunas personalizadas”. 
  • Coloque o nome da sua coluna (preferencialmente o nome da sua conversão para ficar intuitivo)
  • Clique em “+ métrica” e encontre a métrica referente à sua conversão que você quer identificar. Caso seja o número de conversões, selecione apenas “conversões”. 
  • Na parte direita, clique em conversões, depois “ação da conversão” e finalmente selecione a conversão específica que você quer metrificar.

Coluna personalizada conversão do Google Ads

Você tem mais de uma conta e quer usar a mesma tag, veja como fazer!

Como explicamos nesse artigo, as conversões são normalmente criadas à nível de conta.

Isto é, você cria uma conversão dentro de uma conta e a tag emitida só levará as informações para essa conta. 

Caso queira utilizar uma mesma tag para duas contas diferentes, você terá que incluir as duas contas em uma mesma MCC (conta de administrador). 

Dentro de uma conta de administrador, você pode seguir esses mesmos passos mencionados neste artigo para criar sua conversão a nível de MCC. 

Depois de criar a conversão, volte para o painel da conta de administrador, na aba “contas” no menu lateral esquerdo, clique em “gerenciamento”. 

Aqui você verá todas as contas que você possui na sua MCC. 

Para as contas que você quer utilizar as conversões que acabou de criar à nível de MCC, altere de “cliente” para “este administrador” a opção da terceira coluna na sua tela (conta de conversão do Google Ads). 

Pronto!

Nas contas alteradas, as tags de conversões que serão utilizadas serão as criadas dentro da conta de administrador e não dentro da conta.

Conclusão

Neste artigo você viu como funciona uma conversão do Google Ads e qual a sua importância para os seus projetos.

Você precisa definir muito bem quais são as suas conversões para conseguir mensurar e otimizar os seus resultados.

Além disso, você viu também como criar e configurar conversões personalizadas.

Apostila Google Ads Afiliart

Espero que este artigo tenha te ajudado.

Abraços!